Ucrânia diz que russos tentaram realizar ataque cibernético contra o Judiciário

Órgão de segurança da ucraniana não deu informações sobre detalhes técnicos. De acordo com serviço de segurança ucraniano, ataque tinha objetivo de bloquear o funcionamento do Poder Judiciário.
linusb4/Freeimages.com
O serviço estatal de segurança da Ucrânia (SBU) divulgou um comunicado afirmando que hackers russos teriam tentado realizar um ataque cibernético contra a infraestrutura de tecnologia dos tribunais do país. De acordo com o SBU, o objetivo dos russos era sabotar os sistemas, impedindo-os de funcionar.
O ataque teria sido detectado ainda em fase inicial e neutralizado. Segundo o comunicado, agentes do SBU analisaram os arquivos maliciosos e teriam identificado que ele tenta se comunicar com endereços IP na Rússia para receber comandos.
A acusação engrossa a lista de ataques orquestrados pela Rússia que teriam sido realizados contra a Ucrânia. O governo de Moscou nega essas acusações.
A Ucrânia, porém, não está sozinha. Os Estados Unidos e o Reino Unido acusaram a Rússia de ser a responsável pelo vírus NotPetya, que atingiu principalmente a Ucrânia. Especialistas em segurança – que não atribuem a origem de ataques – encontraram similaridades técnicas entre o NotPetya e o os vírus responsáveis por apagões na Ucrânia. Autoridades ucranianas já acusavam a Rússia de ser responsável por esses ataques.
Em julho, o Leia a notícia completa

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!