O fenômeno cognitivo que leva empresas e pessoas a tomar decisões erradas

A falácia dos custos irrecuperáveis também impacta as finanças pessoais
BBC NEWS BRASIL – RomoloTavani/Getty Images

Você sai de casa para comprar leite. Na metade do caminho, lembra que é domingo e o mercado está fechado. Até onde você sabe, não há outros abertos na região. Mas, como você já andou 10 minutos na direção do mercado, o melhor a fazer é completar sua jornada, certo?

A menos que você esteja desesperado para esticar as pernas, esse é um modo de pensar claramente estúpido. No entanto, curiosamente, esse padrão cognitivo ilógico é comum em tomadas de decisão – muitas vezes, envolvendo escolhas com riscos mais altos.

Para um jogador de pôquer, seria o mesmo que tentar recuperar as perdas de rodadas anteriores. O que os economistas chamam de falácia dos custos irrecuperáveis (sunk cost, em inglês). E é um comportamento generalizado.

Todos nós fazemos isso. Quem nunca foi ao cinema e ficou até o fim de um filme que percebeu que era ruim nos primeiros 10 minutos? Essa é a mesma lógica de quem diz “já gastei muito dinheiro com meu carro. Não posso simplesmente me desfazer dele agora. Melhor substituir a caixa de câmbio que Leia a notícia completa

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!